Negociação

Sindojus participa da primeira reunião com o novo presidente do Tribunal de Justiça

A diretoria desejou sucesso ao gestor à frente da administração do TJCE, colocou o sindicato à disposição e debateu algumas questões de interesse da categoria

02/04/2019
Fotos: Milton Figueiredo

O Sindicato dos Oficiais de Justiça do Ceará (Sindojus-CE) participou, na manhã de ontem, da primeira reunião com o novo presidente do Tribunal de Justiça do Ceará (TJCE), desembargador Washington Araújo. Vagner Venâncio, presidente da entidade, desejou sucesso ao gestor à frente da administração do tribunal, colocou o sindicato à disposição e debateu algumas questões de interesse da categoria, entre elas: a isonomia dos 61, o reenquadramento na tabela de nível superior e o repasse dos valores acumulados para ressarcimento das despesas com diligências dos Oficiais de Justiça antes da aprovação da lei do Fundo Especial de Custeio.

Pleitos

Com relação à isonomia dos 61, a diretoria fez os devidos esclarecimentos sobre o pleito e informou que o requerimento se encontra na presidência desde janeiro deste ano, faltando apenas uma decisão de mérito por parte do presidente. O desembargador Washington disse que analisará o requerimento para dar uma posição.

Sobre o ressarcimento dos valores arrecadados, de janeiro de 2016 a junho de 2017 – antes a aprovação do Fundo Especial de Custeio para Ressarcimento das Despesas com Diligências dos Oficiais de Justiça – foi exposto de forma amiúde do que se tratava e o presidente pediu que o sindicato entrasse com pedido de reconsideração para que pudesse analisar.

O presidente do Tribunal de Justiça recebeu o sindicato muito bem e se mostrou aberto à discussão

Quanto ao reenquadramento na tabela de nível superior e a revogação, por parte do atual presidente, da decisão de mérito do ex-presidente Gladyson Pontes – o qual havia deferido o pleito –, Vagner Venâncio ressaltou que, como há uma matéria que será decidida no Supremo Tribunal Federal (STF) cuja repercussão é geral, o Código de Processo Civil (CPC) determina o sobrestamento de efeitos individuais e coletivos, e não o indeferimento.

Receptividade

“O presidente do Tribunal de Justiça recebeu o sindicato muito bem e se mostrou aberto à discussão. Daremos continuidade ao processo de discussão no sentido de manter esse canal aberto direto com o desembargador Washington, assim como tínhamos na gestão anterior. Sempre que houver necessidade, estaremos batendo à porta da presidência para debater os assuntos de interesse da categoria dos Oficiais de Justiça”, ressaltou Vagner Venâncio.

Além do presidente do Sindojus participaram do encontro o diretor Jurídico Carlos Eduardo Mello, o diretor Financeiro Luciano Júnior e a diretora Social Fernanda Garcia. Por parte do Tribunal de Justiça participou o presidente Washington Araújo e Luis Eduardo de Menezes, da superintendência da área administrativa.

reuniãoSindojusTJCEpleitosressarcimentodiligência dos Oficiais de Justiçanegociaçãopresidenteisonomia dos 61Reenquadramento na tabela de Nível SuperiorWashington Araújovalores arrecadados

Deixe seu Comentário

Você deve estar logado para fazer um comentário. Clique aqui para entrar.