Descentralização

Sindojus promove novas reuniões virtuais com Oficiais e Oficialas de Justiça do interior do estado

As reuniões ocorrerão nos dias 6, 7 e 10 de agosto, às 15h, através da plataforma Zoom

05/08/2020

A diretoria do Sindicato dos Oficiais de Justiça do Ceará (Sindojus-CE) dará continuidade a programação de reuniões virtuais com a categoria. Essa é terceira semana seguida de encontros, encerrando o primeiro ciclo de videoconferências realizadas pela entidade com Oficiais e Oficialas de Justiça de todas as regiões do estado. As reuniões ocorrerão nos dias 6, 7 e 10 de agosto, às 15h, através da plataforma Zoom.

A primeira reunião será, no dia 6 de agosto, com os integrantes das comarcas das coordenadorias do Maciço de Baturité, do Litoral Leste e do Vale do Jaguaribe. Na ocasião, estão convidados a participar os oficiais e oficialas de Justiça das comarcas de Aracati, Jaguaribe, Baturité, Fortim, Icapuí, Beberibe, Jaguaruana, Russas, Limoeiro do Norte, Alto Santo, Tabuleiro, Pereiro, Quixeré, Ibicuitinga, Quixadá, Quixeramobim, Mombaça, Morada Nova, Redenção, Aracoiaba, Mulungu, Capistrano e Itapiúna.

Na sexta feira (7), a videoconferência será com os membros das regionais de Itapipoca e Camocim, contemplando as comarcas de Pentecoste, Umirim, São Gonçalo, Paracuru, Paraipaba, Trairi, Amontada, Itapipoca, Morrinhos, Itarema, Cruz, Bela Cruz, Marco, Jijoca, Granja, Santana do Acaraú, Camocim e Chaval.

Para fechar a programação de reuniões, será realizado, na segunda-feira (10), um encontro com integrantes das regionais de Canindé, Crateús e Sobral. Para esse dia, são chamados a comparecer os representantes das comarcas de Madalena, Itatira, Caridade, Pedra Branca, Catarina, Tauá, Quiterianópolis, Tamboril, Monsenhor Tabosa, Independência, Santa Quitéria, Novo Oriente, Ararendá, Nova Russas, Ipueiras, além de Forquilha, Uruoca, Massapê, Coreaú, Graça, Frecheirinha e Cariré.

Esses encontros fazem parte da atuação colaborativa e descentralizada da diretoria da entidade, que busca uma constante integração entre os membros da categoria. Antes da pandemia da Covid-19, as reuniões aconteciam, periodicamente, de forma presencial. Por causa do novo contexto, a diretoria se readaptou e buscou novas maneiras de promover a aproximação e a comunicação entre os Oficiais e as Oficialas de Justiça do estado.

Os trabalhos não param

Entre os dias 27 e 31 de julho, a diretoria do Sindojus esteve reunida, de forma remota, com oficiais e oficialas de Justiça da Central de Cumprimento de Mandados Judiciais (Ceman), em Fortaleza, e das coordenadorias regionais do Cariri, do Centro-Sul, da Serra Grande e da Região Metropolitana de Fortaleza. Também foram realizadas reuniões com as comarcas de Caucaia, Maracanaú e Sobral entre os dias 20 e 23 do último mês.

Régis Parente, oficial de justiça da comarca de Tianguá, pontuou as vantagens desse formato de reunião. Segundo ele, a videoconferência permite a democratização da participação porque as pessoas podem acessar de qualquer lugar. Ele também explica que a reunião on-line “elimina o risco de contágio do novo coronavírus, já que não há contato físico, além disso, há a redução de custos porque não vai ter o gasto com o deslocamento da diretoria para as coordenadorias regionais”.

Segundo a oficiala de Justiça Glória Sá, da comarca de Jucás, apesar da saudade de rever os colegas pessoalmente, o encontro virtual foi positivo. “É uma ferramenta que pode proporcionar uma série de benefícios para a nossa categoria, por exemplo, existe uma redução de custo com as viagens e a economia de tempo. Assim, é possível que aconteçam reuniões com mais frequência, estreitando os laços entre todos da categoria, além de ser um ganho de eficiência para a diretoria da entidade”, destaca.

Confira as imagens das reuniões já realizadas:

SindojusSindojus Cearápandemiaretorno às atividadesadaptaçãoreuniões virtuaisvideoconferência
SIGA-NOS:

Conteúdos Relacionados