Ourgulho

Sindicato dos Oficiais de Justiça prestigia a posse de novos magistrados do TJCE

Entre os 23 empossados estão Dayana Tavares e Yuri Collyer, que deixam o cargo de Oficial de Justiça para assumir a magistratura nas comarcas de Alto Santo e Tabuleiro do Norte, respectivamente

26/01/2023
Fotos: TJCE

A diretoria do Sindicato dos Oficiais de Justiça do Ceará (Sindojus-CE) prestigiou, na última sexta-feira (20), a posse dos 23 novos juízes do Tribunal de Justiça do Ceará (TJCE). Entre eles, estão Dayana Tavares e Yuri Collyer, que deixam o cargo de Oficial de Justiça para assumir a magistratura. Dayana, que era lotada na comarca de Jaguaretama e ficará à frente de Alto Santo, foi a responsável pelo juramento, firmando o compromisso de posse. Já Yuri Collier era lotado na comarca de Caucaia e assumirá como juiz na comarca de Tabuleiro do Norte. Os dois participam durante esta semana do curso de formação ofertado pela Escola Superior da Magistratura do Ceará (Esmec).

Dayana Tavares foi a responsável pelo juramento, firmando o compromisso de posse

“Fomos prestigiar e desejar sucesso no novo cargo que os colegas Yuri e Dayana irão assumir, são dois profissionais competentes, demonstraram isso enquanto estiveram na labuta junto conosco”, parabenizou o presidente do Sindojus, Vagner Venâncio. Os diretores Carlos Eduardo Mello e Luciano Júnior também prestigiaram o evento.

A presidente do TJCE, desembargadora Nailde Pinheiro, falou sobre a responsabilidade e realização de ingressar na família do Poder Judiciário

Responsabilidade e realização

No seu discurso, a presidente do TJCE, desembargadora Nailde Pinheiro, falou sobre a responsabilidade e realização de ingressar na família do Poder Judiciário. “É muito mais do que uma meta profissional, é um propósito, uma missão, um ideal de vida que se materializa no exercício de uma atividade desafiadora. Quero deixar aqui o meu abraço caloroso, colocando-me sempre à disposição de cada um, fazendo votos de sucesso nessa jornada, no campo pessoal e profissional, na certeza de que o judiciário cearense contará com novos servidores públicos com o ideal de bem servir à sociedade”, afirmou.

Desde que assumiu a presidência do TJCE, em janeiro de 2021, a desembargadora Nailde Pinheiro convocou 55 juízes. No que diz respeito à categoria dos Oficiais de Justiça, a expectativa é com a nomeação dos aprovados no concurso realizado no ano passado, outro feito da atual gestão do TJ, depois de oito anos de espera. A chefe da Corte anunciou, na reunião com a diretoria do Sindojus realizada na última terça-feira (24), a convocação de dez aprovados no certame. A publicação, conforme a desembargadora informou, deverá sair no Diário da Justiça Eletrônico (DJE) de hoje.

Defasagem

Com a saída de Dayana Tavares, a comarca de Jaguaretama, onde era lotada, fica sem Oficial de Justiça, totalizando duas comarcas sem esses servidores: Jaguaretama e Coreaú. Caucaia também teve o quadro reduzido com a saída de Yuri Collyer. A diretoria do Sindojus continuará as tratativas com a nova administração do tribunal pela convocação do maior número possível de Oficiais de Justiça, afinal, são mais duas vagas que surgem, totalizando 27 cargos vagos de nível superior.

Assim como Dayana e Yuri, outros Oficiais de Justiça já assumiram a magistratura, o Ministério Público, a Defensoria, entre outros cargos, o que é motivo de orgulho para toda a categoria.

*Com informações do portal de notícias do TJCE

Oficial de JustiçaSindojusTJCESindojus Cearáposseaprovadosnomeaçãocargos vagosDayana Tavaresnovos juízesConcurso PúblicoYuri Collier
SIGA-NOS:

Deixe seu Comentário

Você deve estar logado para fazer um comentário. Clique aqui para entrar.