Oficial de Justiça

Nomenclatura Oficial de Justiça será unificada no sistema do TJCE

Oficiais e oficialas deverão encaminhar, no prazo de cinco dias úteis, e-mail informando o nome completo, matrícula, lotação e o nome/sobrenome que querem que conste no crachá

26/06/2018

Com a publicação do resultado definitivo da ascensão funcional 2016/2017, finalmente poderá ser feita a mudança de nomenclatura no sistema do Tribunal de Justiça do Ceará (TJCE), que será unificada: Oficial de Justiça, conforme dispõe a Lei nº 16.302, de 3 de agosto de 2017. Dessa forma, será dado encaminhamento ao processo de requisição de novos crachás e identidades funcionais.

Oficiais e oficialas deverão encaminhar, no prazo de cinco dias úteis, a contar a partir de hoje, e-mail para secretaria@sindojus-ce.org.br informando o nome completo, matrícula, lotação e o nome/sobrenome que querem que conste no crachá. Os que não enviarem será considerado o primeiro nome e o último sobrenome.

Para acompanhar este e outros assuntos, o presidente do Sindojus Luciano Júnior e o diretor de Comunicação Vagner Venâcio estiveram na manhã de ontem no TJCE. Durante os trabalhos passaram pela presidência, Consultoria Jurídica, Secretaria de Gestão de Pessoas, Secretaria da Tecnologia da Informação e Secretaria de Planejamento.

Reenquadramento na tabela de nível superior e isonomia dos 61

O processo encontra-se na Secretaria da Tecnologia da Informação. Os diretores Luciano Júnior e Vagner Venâncio cobraram celeridade na tramitação dos processos. A secretária ficou de dar um retorno nos próximos dias sobre o andamento dessas demandas.

Desconto da IT nas férias

O processo, que havia sido despachado para o setor de informática, já retornou para a folha de pagamento, onde está sendo trabalhado para que os valores sejam incluídos no pagamento do próximo mês de julho. Os descontos são relativos ao período de 21 de junho a 31 de dezembro de 2017.

Estudo lotação paradigma

Na próxima quinta-feira, 28 de junho, provavelmente será realizada reunião, às 10h, na Secretaria de Planejamento, para tratar sobre o estudo de lotação paradigma que está sendo refeito pelo Tribunal de Justiça.

“Estamos acompanhando de perto essa questão para que não ocorra o mesmo problema do último estudo, que foi feito com dados corrompidos, desconsiderando os mandados com múltiplas partes, sem contabilizar os mandados do 2º Grau e nem as comarcas vinculadas. Estamos em cima para que esses equívocos não se repitam”, reforçou Luciano Júnior.

Levantamento

O Sindojus está fazendo um levantamento para identificar quais comarcas estão com o problema dos mandados com múltiplas partes, quais ainda possuem Ad Hocs e o quantitativo de oficiais em cada comarca.

Oficiais de JustiçaSindojusITnomenclatura únicareenquadramentoestudolotação paradigmaisonomia dos 61levantamento

Deixe seu Comentário

Você deve estar logado para fazer um comentário. Clique aqui para entrar.