Nota de pesar

Morre, aos 55 anos, o Oficial de Justiça Alexandre Jonas de Oliveira

Oficial de Justiça há 21 anos, ele trabalhou nas comarcas de Irauçuba, Itapipoca, Uruburetama e, no próximo mês de janeiro, iria completar 12 anos em Umirim

01/12/2017

Morreu, na manhã de hoje, aos 55 anos, o Oficial de Justiça Alexandre Jonas Teixeira Ferreira de Oliveira, da comarca de Umirim, vítima de câncer no fígado. O oficial só descobriu que estava com a doença depois de passar mal, no último dia 14 de novembro. Após 16 dias internado, não resistiu à agressividade da enfermidade e veio a óbito hoje. Ele deixa a esposa, Maria de Fátima Teixeira Ferreira, e duas filhas, de 19 e 11 anos. Era o terceiro de cinco irmãos. Deixa também a mãe, de 83 anos.

O corpo será velado na noite de hoje no Guarani, localidade de Itapipoca, na casa que construíra recentemente. De lá segue para a casa de sua mãe (Avenida Duque de Caxias, 416, Itapipoca), onde o corpo continuará sendo velado. Por causa do transporte do corpo, a família não soube informar ao certo o horário do velório. O enterro será amanhã, às 16 horas, no Cemitério São Miguel (situado na Rua Anastácio Braga, 1.633-1.687, em Itapipoca).

“Não é porque ele não está mais aqui, mas o Alexandre era um marido maravilhoso, um homem calmo, paciente, honesto, um amigão. Pai carinhoso, responsável no trabalho, atencioso com a mãe, com os irmãos. Ele deixa um legado maravilhoso. É o que me conforta. Ele sempre foi uma pessoa presente, muito família, não tinha inimizades. Infelizmente, ele nos deixou cedo, aos 55 anos. A ficha ainda não caiu”, comentou a esposa.

Comarcas

Oficial de Justiça há 21 anos, trabalhou nas comarcas de Irauçuba, Itapipoca, Uruburetama e, no próximo mês de janeiro, iria completar 12 anos em Umirim. O Sindicato dos Oficiais de Justiça do Ceará (Sindojus-CE), em nome de todo o oficialato cearense, lamenta profundamente a partida tão repentina e precoce de Alexandre Jonas e se solidariza com os familiares e amigos neste momento de dor. Que Deus conforte os seus corações.

Lutoperdanota de pesarAlexandre Jonas

Deixe seu Comentário

Você deve estar logado para fazer um comentário. Clique aqui para entrar.